Google+ Badge

Google+ Followers

Se você procura um serviço de tradução português-espanhol profissional e de máxima qualidade, podemos ajudar-lhe...

sábado, 10 de abril de 2010

DEUS - DIOS


“Dios creó al hombre y los hombres crearon al diablo”.
“Deus criou ao homem e os homens criaram ao diabo”

MEDITAÇÃO: A CIENCIA SUBJETIVA


O Buda não era budista

Enviado por Jordi Masi Manjon

Uma vida dedicada ao Zen, em estado puro, sem ligar-nos a nenhuma escola, a nenhuma crença, porque a experiência de Buda é Não crenças, Não deuses.
A Vida não é o Mundo, a Vida é a manifestação da Existência, O Mundo é a manifestação da Mente.
Buda não era budista, porque não existia o budismo, Buda é um estado a recobrar, inerente em cada ser que sente, o Honorável do Mundo em seu legado nos legou sua experiência, por isto não confundamos ao Buda com o budismo.
O labirinto é o caminho do Mundo, a confusão na que vivemos o veículo que o percorre recreando novos percorridos dentro dele, é a Mente.
A Saída do Labirinto requeira um grande esforço de vontade pessoal, os médios a consciência através da meditação.
O convite é acompanha-me!.. rumo à Saída do Labirinto, juntos acharemos o correto percurso.
Investigaremos juntos a ciência da subjetividade, buscaremos a raiz do conflito, caminharemos corretamente sem condicionamentos A Meditação requere um aprendizado, é o meio para se reencontrar com a Fonte da Vida, uma vez achada soltaremos o instrumento.
É um percorrido profundo por a subjetividade em busca de aquilo fundamental do Ser Humano perdida no labiríntico do mundo.

Versão em espanhol.

Meditación: la Ciencia Subjetiva; El Buda no era budista
Enviado por Jordi Mas i Manjon


Una vida dedicada al Zen, en estado puro, sin ligarnos a ninguna escuela a ninguna creencia, porque la experiencia del Buda, es No creencias, No dioses.
La Vida no es el Mundo, la Vida es la manifestación de la Existencia, El Mundo es la manifestación de la Mente.
El Buda no era budista, porque no existía el budismo, el Buda es un estado a recobrar, inherente en cada ser sintiente, El Honorable del Mundo en su legado nos legó su experiencia, por ello no confundamos el Buda con el budismo.
El laberinto es el camino del Mundo, la confusión en la que vivimos, el vehículo que lo recorre recreando nuevos recorridos dentro de ello, es la Mente.
La Salida del Laberinto requiere un gran esfuerzo de voluntad personal, los medios la consciencia a través de la meditación.
La invitación es ¡acompáñame! hacia la Salida del Laberinto, juntos hallaremos el correcto recorrido.
Investigaremos juntos la ciencia de la subjetividad, buscaremos la raíz del conflicto, caminaremos correctamente sin condicionamientos La Meditación requiere un aprendizaje, es el medio para reencontrarse con la Fuente de la Vida, una vez hallada soltaremos el instrumento.
Es un recorrido profundo por la subjetividad en pos de aquello fundamental del Ser Humano perdido en el laberíntico mundo.
Se procura um serviço de máxima qualidade e profissionalidade, podemos ajudar-lhe